Busca avançada
  1. Home
  2. O que é anamnese e como é feita? (Anamnese psicológica)
O que é anamnese e como é feita? (Anamnese psicológica)

O que é anamnese e como é feita? (Anamnese psicológica)

  • 1 de setembro de 2022
  • 0 Curtidas
  • 439 visualizações
  • 0 Comentários

O que é anamnese e como é feita? (Anamnese psicológica)

Ao dar início a um tratamento psicológico, é bem comum que o psicólogo ou a psicóloga faça durante a primeira consulta uma entrevista, por realizar perguntas sobre a pessoa, como por exemplo, o motivo da consulta e, de modo geral, sobre a vida do paciente. Isto vai ajudar o/a profissional a ter uma ideia mais ampla e geral sobre o que está acontecendo, assim também como vai ajudar a descobrir se existe outras áreas problemáticas que por algum motivo possam estar afetando-o.

Em certos casos, é de bastante utilidade e necessária que se faça este tipo de entrevista com pessoas da família do paciente em questão, o/a parceiro/a ou, de forma geral, a alguém que vive em seu entorno mais próximo, de maneira especial quando se trata de crianças. Este tipo de colheita de informações sobre a situação é chamada pelo nome de anamnese e existem certos aspectos que precisam ser cumpridos. Ademais existem também tipos variados de anamnese.

Quais são os tipos?

Como visto acima, a anamnese se trata de colher informações e se ter uma ideia geral do problema que o paciente carrega e como interfere com o entorno. Por conta disso, podemos citar dois tipos básicos de anamnese, confira abaixo:

Anamnese focal:
A anamnese focal consiste em realizar um aglomerado de perguntas ao paciente sobre qual o problema e sintomas que ele sente. Entre algumas dessas perguntas, as mais comuns são:

Qual é o motivo da sua consulta?
Há quanto tempo estão ocorrendo esses sintomas?
Você sabe se algo pode ter desencadeado isso?
Isso já ocorreu em alguma outra ocasião?
Você já se consultou com outros psicólogos?
O que você tentou fazer para solucionar esse problema?

Anamnese para o impacto biográfico:
No caso deste tipo de anamnese são realizadas também algumas perguntas para obter informação sobre como o problema pode estar interferindo no dia a dia cotidiano da pessoa, isto é, se trata de averiguar caso outras áreas de sua vida foram também atingidas por tal problema.

Desta maneira, nesse tipo de anamnese são feitas perguntas como:

Por conta desse problema, você parou de realizar alguma atividade?

Você sabe de algo que você acredita que está mantendo ou aumentando ainda mais essa situação?
Como você espera que a terapia possa auxiliar com a resolução do seu problema?
O que você espera de nós?
Você tem algum apoio de seu entorno?
Como deve ser uma anamnese com exemplos?

A seguir, separamos exemplos de como se deve realizar uma anamnese psicológica com alguns exemplos de perguntas. A anamnese deve ser composta por diferentes pontos, confira:

Identificação: Consiste em coletar os dados básicos do paciente: como por exemplo nome, idade, direção…

Motivo de consulta: Trata-se de saber qual a razão que levou o paciente a começar uma terapia: algumas coisas que levam são uma ruptura amorosa, problemas com os familiares e parentes, baixa autoestima, e outros. Este é o aspecto de maior importância em uma anamnese, pelo fato de que a entrevista pode se desenrolar em uma ordem ou outra.

Caso seja um problema de casal, as primeiras perguntas estarão relacionadas a esse relacionamento, enquanto que se há um problema familiar o que vai ser perguntado é sobre com quem vive, entre outros, em primeiro lugar.

Histórico do problema: Isto consiste em a pessoa fazer uma descrição de quais são os sintomas do problema, relatando quando e como se iniciou o problema, por que a pessoa pensa que aconteceu, quando se acentua e quando desaparece Isto significa, descrever o problema, assim como as possíveis causas que o provocaram.

Busque sempre a ajuda de profissionais qualificados e eficazes que vão estar prontos e dispostos para te ajudar, conte com a Unicallmed para te ajudar!

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário