Unicallmed Worldwide

Conheça nossos planos de telemedicina:

Com atendimento em até 3 minutos!

Cisto Epidermoide: O Que É, Causas e Opções de Tratamento – Guia Completo

Cisto Epidermoide: O Que É, Causas e Opções de Tratamento – Guia Completo

  • 9 de julho de 2023
  • 0 Curtidas
  • 1080 visualizações
  • 0 Comentários
Cisto
Cisto Epidermoide: O Que É, Causas e Opções de Tratamento - Guia Completo 3

Os cistos epidermoides são formações comuns na pele que podem ocorrer em várias partes do corpo. Neste guia completo, vamos explorar o que é um cisto epidermoide, suas causas, características e opções de tratamento. Vamos também responder a perguntas frequentes sobre essa condição cutânea e fornecer informações importantes para quem busca cuidados médicos adequados.

1. O que É?

Um cisto epidermoide é uma lesão benigna que se forma quando células epiteliais se acumulam no interior da pele. Essas células se desenvolvem a partir da camada externa da pele, chamada de epiderme. Com o tempo, o acúmulo de células forma uma estrutura cística cheia de queratina, uma proteína encontrada naturalmente na pele e nos cabelos. Ele pode variar em tamanho e aparência, e geralmente não causa sintomas graves. No entanto, em alguns casos, pode se tornar inflamado, infectado ou doloroso. É importante consultar um profissional de saúde para avaliação e tratamento adequados, caso necessário.

2. As Causas 

 Podem ser causados por diversos fatores, incluindo:

  • Obstrução dos folículos pilosos;
  • Acúmulo de queratina devido à produção excessiva;
  • Traumas ou lesões na pele;
  • Presença de células epiteliais retidas durante o desenvolvimento fetal.

3. Características 

Geralmente apresentam as seguintes características:

  • Aparência de um nódulo ou caroço na pele;
  • Elevação da pele, podendo ser macia ou firme ao toque;
  • Tamanho variável, desde pequenos até alguns centímetros de diâmetro;
  • Coloração semelhante à da pele normal;
  • Pode ter uma abertura central chamada de óstio, que permite a drenagem de um material pastoso ou com odor desagradável em alguns casos.

4. Opções de tratamento

O tratamento pode variar dependendo de sua localização, tamanho, sintomas e preferências do paciente. As opções de tratamento incluem:

  • Observação e monitoramento: em alguns casos, um cisto pequeno e assintomático pode não requerer intervenção médica imediata;
  • Drenagem: o médico pode fazer uma incisão no cisto e drenar o conteúdo acumulado. No entanto, a drenagem pode não ser uma solução definitiva, pois o cisto pode retornar;
  • Remoção cirúrgica: em casos em que o cisto é grande, recorrente ou causa desconforto, o médico pode recomendar a remoção cirúrgica completa do cisto.

5. Perguntas frequentes

Aqui estão algumas perguntas frequentes sobre cistos epidermoides:

  1. Eles são cancerígenos? Não, são benignos e geralmente não estão associados ao câncer de pele;
  2. Esses cistos podem desaparecer por conta própria? Em alguns casos, os cistos epidermoides podem se resolver espontaneamente sem tratamento. No entanto, isso nem sempre acontece;
  3. Posso espremer ou estourar em casa? Não é recomendado espremer ou estourar, pois isso pode levar a infecções e complicações. Procure um profissional de saúde para avaliação e cuidados adequados;
  4. Existe uma maneira de prevenir? Não há uma maneira garantida de prevenir, mas manter uma boa higiene da pele e evitar traumas pode ajudar a reduzir o risco.

6. Recursos externos

Aqui estão alguns recursos externos úteis para obter mais informações sobre:
Cisto Epidermoide: o que todo médico precisa saber?
– Procurar um cínico geral no site da Unicallmed

 

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário