Busca avançada
  1. Home
  2. O que é a medicina preventiva e social?
O que é a medicina preventiva e social?

O que é a medicina preventiva e social?

  • 21 de abril de 2022
  • 0 Curtidas
  • 593 visualizações
  • 0 Comentários

O profissional especialista em medicina preventiva e social atua em todos os áreas com a finalidade de prevenir e garantir uma boa saúde ao paciente, a fim de não permitir que se desenvolvam doenças com que possam trazer risco.

Essa área médica abrange um punhado de técnicas e estratégias no curso de possíveis doenças. Os médicos dessa área devem agir de forma proativa, por trabalhar com o objetivo de conseguir eliminar riscos que apontam o surgimento ou até mesmo o agravamento de uma determinada doença a longo prazo.

Na prática, podemos dizer que essa especialidade estabelece cuidados todos os dias ao paciente que vão ajudá-lo para melhora do bem-estar, como por exemplo: por realizar alguns exames periódicos, adotar uma dieta balanceada e saudável e praticar regularmente atividades e exercícios físicos.

Essas ações reduzem as probabilidades do paciente desencadear doenças que com o passar do tempo podem se tornar mais agressivas, como é o caso da hipertensão e da diabetes, que quando não dadas atenção podem causar até mesmo derrames e cegueira.

As vacinas são outra parte importante dessa categoria, uma vez que são aplicadas com a objeto de prevenir alguns tipos de vírus ou bactérias, que ao “se encontrarem” com o organismo humano, podem provocar consequências e doenças mais sérias, como hepatite A, influenza, tétano, tuberculose, COVID-19, e muitas outras doenças.

A medicina preventiva deu um salto importante após ser comprovado os altos custos de tratamento de algumas doenças que poderiam ser prevenidas antecipadamente, como câncer e diabetes.

A especialidade de medicina preventiva e social é muito responsável também por melhorar o uso de recursos que são de difícil acesso, fazendo com que eles fiquem disponíveis para a saúde, ajudando um número extenso de pessoas a ter acesso aos serviços de maneira mais fácil, integral e universal.

Quais os exames mais comuns solicitados pela medicina preventiva e social?

Para os adultos, o indicado é que tanto homens como mulheres façam um check up anual, principalmente após os 35 anos de idade. Separamos os principais exames solicitados, confira:

Teste ergométrico: Esse exame serve para mostrar como o sistema cardiovascular reage ao passar por situações de esforço e também ajuda na prevenção de doenças na artéria, hipertensão arterial e arritmias.

Papanicolau: Esse exame serve para coletar células do colo do útero e ajuda na identificação e presença de doenças sexualmente transmissíveis, além de também prevenir o câncer.

Colesterol: Esse exame serve para medir os níveis de colesterol bom e colesterol ruim, também ajuda a prevenir doenças cardiovasculares.

Hemograma: Esse exame é feito da seguinte forma: é coletado uma amostra de sangue para analisar os componentes dele como os glóbulos brancos, glóbulos vermelhos, plaquetas e leucócitos, ele serve também para prevenir anemia, leucemia, distúrbios da tireoide, doenças renais, e outras doenças.

Glicemia: Esse exame mostra os níveis de glicose presentes no sangue e pode ajudar a prevenir a diabetes

Mamografia: Serve para capturar imagens dos seios e ajuda na prevenção do câncer de mama

Mitos e verdades sobre a medicina preventiva e social:

Existem muitas dúvidas quando se fala em medicina preventiva e social, por isso separamos as principais mitos e verdades sobre um assunto muito importante para essa especialidade: a vacinação:

Quem é alérgico a ovo não deve tomar algumas vacinas?

Verdade! Pessoas com alergias a ovo não podem receber certos tipos de vacinas como, por exemplo, a vacina para febre amarela.

Vacinas causam autismo?

Falso! As vacinas não causam autismo.

Vacina pode até mesmo prevenir câncer?

Verdade! As vacinas podem reduzir as probabilidades do surgimento de câncer no fígado e no colo do útero, por exemplo.

Algumas vacinas exigem mais de uma dose, ou, a primeira dose já imuniza o paciente?

Falso! Para que o paciente fique imune é necessário seguir corretamente o calendário de vacinação da doença em questão.

Busque sempre a ajuda de profissionais qualificados e eficazes que vão estar prontos e dispostos para te ajudar, conte com a Unicallmed para te ajudar!

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário