Busca avançada
  1. Home
  2. O que é nefrostomia?
O que é nefrostomia?

O que é nefrostomia?

  • 30 de agosto de 2022
  • 0 Curtidas
  • 480 visualizações
  • 0 Comentários

O que é nefrostomia?

Nefrostomia é a drenagem do sistema excretor urinário realizado a nível renal e pode ser realizado por punção percutânea ou cirurgicamente.

A nefrostomia também é frequentemente usada para derivação urinária temporária ou definitiva nos casos de infiltração tumoral dos ureteres em seu terço distal, isto pode ocorrer também em processos fibróticos resultado do tratamento com irradiação dos tumores pélvicos do trato gênito-urinário.

Como ocorre o procedimento da nefrostomia?

O procedimentos ocorre da seguinte forma, ele é um ato cirúrgico que consiste em realizar uma abertura no rim, com o objetivo de procurar um cálculo ou de realizar drenagem, a nefrostomia permite a resolução da obstrução ureteral e recuperação da função renal em pacientes com uropatia obstrutiva, confira os 5 procedimentos realizados:

Manter jejum por 8 horas ou conforme orientação médica

Caso faça uso de medicamentos, geralmente é indicado que tome os medicamentos anti-hipertensivos como de costume, sem água ou com muito pouca água. Quem é diabético, de modo geral não pode tomar os hipoglicemiantes orais no dia da cirurgia.

Em caso de febre ou mal estar, entrar em contato com o médico/hospital e comunicar o estado de saúde.

A remoção dos pêlos da região onde será realizada a incisão cirúrgica, obedecendo a critérios médicos, deverá ser realizada apenas pela equipe de enfermagem, após a internação.

Horário da cirurgia: o horário da cirurgia é agendado pelo seu médico.

É importante lembrar, que o médico responsável passará todas as instruções e elas devem ser seguidas, para que o procedimento seja realizado com excelência.

Quais são as complicações e risco da nefrostomia?

As taxas de complicações relacionadas à nefrostomia são baixas na maior parte das séries relatadas, cerca de 10% ou menos.

As complicações pode estar na presença de sangue na urina, cólicas constantes, cólicas renais resultantes da eliminação de coágulos, equimose e hematomas no local da perfuração, formação de coleções de urina ou sangue no rim ou ao seu redor, que em geral são reabsorvidas espontaneamente pelo cateter, hemorragias com a necessidade de transfusão sanguínea durante ou após a operação e conversão para cirurgia aberta.

Caso seja necessário, lesão intestinal necessitando de colostomia, lesão de vasos sanguíneos com hemorragia, necessitando de cirurgia aberta para hemostasia ou a embolização através da arteriografia, formação de pseudoaneurisma ou fístula artéria-venosa que necessitará de tratamento através de cirurgia aberta ou a embolização.

Em casos raros pode acontecer:

Possibilidade de saída de urina da ferida operatória por algum tempo (fístula).
Possibilidade de formação de hérnia ou flacidez no local da cirurgia.
Possibilidade de infecção na incisão cirúrgica, requerendo tratamento.
Possibilidade de perda da função renal como sequela da cirurgia.
Possibilidade de sensação de dormência em torno da região operada.
Possibilidade de cicatrizes com formação de quelóides (cicatriz hipertrófica-grosseira).

Como é feita a colocação do cateter na nefrostomia?

O cateter nefro ureteral expande-se para facilitar esses procedimentos úteis no controle das complicações ureterais dos transplantes renais.

No caso de extravasamentos, fístulas, estenoses e obstruções pós-transplante, a descompressão com nefrostomia percutânea tem valor. Em tais casos, o acesso por nefrostomia é estabelecido quando o acesso ureteral retrógrado não é possível ou não é aconselhável.

Existem vários tipos de cateter como;:
Cateter de nefrostomia
Cateter de dilatação
Cateter de drenagem, entre outros.

Como fazer a higiene da pele e do cateter de nefrostomia?

Para que a limpeza seja feita de modo correto, são necessários os seguintes materiais:

Soro fisiológico com compressas limpas, dispositivo de nefrostomia, saco para o lixo, removedor de dispositivo e protetor cutâneo, se necessário.

O médico deverá passar todas as instruções de como deve ser feita a higienização do procedimento. Por isso é importante procurar sempre profissionais qualificados e de confiança para te ajudar, para isso conte com a Unicallmed!

Busque sempre a ajuda de profissionais qualificados e eficazes que vão estar prontos e dispostos para te ajudar, conte com a Unicallmed para te ajudar!

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário