Busca avançada
  1. Home
  2. Finanças para médicos: conheça como organizar as contas de um consultório!

Finanças para médicos: conheça como organizar as contas de um consultório!

  • 21 de dezembro de 2021
  • 0 Curtidas
  • 591 visualizações
  • 0 Comentários

Sem dúvidas, manter um consultório funcionando perfeitamente requer uma série de cuidados, que vão dos mais básicos até os mais complexos, por isso, essa organização é uma etapa fundamental.

Um desses cuidados principais é com relação às finanças, pois no geral muitas pessoas imaginam que a área médica costuma render muito dinheiro, e por tal motivo podem pensar que não necessita de planejamento.

Mas a verdade é que planejar as finanças é fundamental, já que em termos gerais um consultório é uma empresa, e todos os gastos e retiradas precisam ser contabilizados no fluxo de caixa, que é o responsável por todas as transações do negócio.

Por isso, organizar as contas do consultório é um passo primordial que garante, entre outras coisas,  o sucesso e a sobrevivência do negócio.

No post de hoje vamos conhecer um pouco mais sobre como organizar finanças para médicos sem grandes complicações, confira as dicas a seguir e garanta que seu negócio fique sempre no azul!

Finanças para médicos

Despesas pessoais x despesas do consultório

Finanças para médicos
Finanças para médicos: conheça como organizar as contas de um consultório! 3

Sem dúvidas, esse é um dos pontos chaves na hora de planejar as despesas financeiras de qualquer empresa, pois em termos gerais, não é aconselhado misturar as finanças.

Sendo assim, o primeiro passo é ter clareza das despesas e planejar como estas serão quitadas.

Ao misturar, embora o fluxo de caixa seja alto, corre-se o risco das finanças ficarem desordenadas, provocando, portanto, inúmeros transtornos.

Para manter as finanças equilibradas, é preciso estabelecer o chamado pró-labore, que significa estipular o valor das retiradas mensais.

Ficar por dentro das despesas fixas e variáveis

Outro detalhe primordial para organizar as finanças de um consultório é entender quais são os custos que há no empreendimento, pois existem aqueles que são fixos, como é o caso do pagamento dos colaboradores, além das despesas variáveis que podemos mencionar o gasto com materiais utilizados nos procedimentos.

Sem dúvidas, possuir uma base de quanto resultará essas despesas é uma das maneiras mais efetivas na hora de organizar as finanças pessoais, pois é possível programar o orçamento com maior objetividade, além de não sofrer com os possíveis gastos não planejados.

Fazer planilhas de gastos

Finanças para médicos
Finanças para médicos: conheça como organizar as contas de um consultório! 4

O uso de planilhas é uma forma muito efetiva de acompanhar os resultados do consultório, pois a partir disso é possível traçar melhores estratégias. Atualmente existem uma série de programas e plataformas que foram desenvolvidas exclusivamente para esse acompanhamento.

Por isso, investir nesse tipo de plataforma é primordial para garantir que as finanças do consultório fiquem sempre no azul.

Identificar de onde surgem as receitas ajuda muito nas Finanças para médicos

Geralmente, quem é profissional da área de saúde costuma trabalhar em alguns locais diferentes, por isso, é importante identificar quais são as receitas de cada um desses lugares.

A partir disso, é possível entender melhor o que gera mais retorno, otimizando dessa forma o tempo de trabalho.

Além disso, essa estratégia serve para analisar se os ganhos em determinado lugar, por exemplo, estão sendo coerentes com os gastos dispensados, a fim de identificar claramente qual é o fluxo de caixa exato.

Agora que você já sabe como deve manter equilibrada as finanças para médicos, não deixe de conferir nossas outras dicas no blog!

Equipe Unicallmed

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário