Busca avançada
  1. Home
  2. Otalgia: o que é, quais as causas e tratamentos?
Otalgia: o que é, quais as causas e tratamentos?

Otalgia: o que é, quais as causas e tratamentos?

  • 1 de setembro de 2022
  • 0 Curtidas
  • 428 visualizações
  • 0 Comentários

Otalgia: o que é, quais as causas e tratamentos?

A otalgia é um termo que é usado para designar a dor de ouvido, que pode demonstrar situações que afetam a região da orelha média, interna, externa ou estruturas que se localizam em volta do ouvido.
Dessa maneira, a otalgia pode estar indicando sinais de sinusite, de infecção, de alguma lesão presente no canal do ouvido, o acúmulo de cera ou pode ser apenas uma consequência de alguma alteração da pressão, por exemplo.

Além da dor de ouvido, é normal também surgir outros sintomas, como a febre, o inchaço, saída de líquido pelo ouvido e a perda da audição no ouvido afetado temporariamente. A otalgia ocorre de maneira mais comum em crianças e, além dos sintomas e sinais que estão relacionados com o ouvido, é bastante comum também que a criança fique mais estressada, chorona ou talvez você observe que ele fica colocando a mão no ouvido repetidas vezes, de maneira especial quando a criança ainda não desenvolveu a fala.

Dessa forma, na presença de dores no ouvido e de outros sintomas, é fundamental que um médico pediatra seja consultado para que dessa forma seja realizada uma avaliação, e seja feito exames sobre qual a causa e assim se iniciar o tratamento mais adequado, que pode envolver o uso de antibióticos caso a otalgia seja provocada por uma infecção por bactérias.

Quais as possíveis causas da otalgia?

A otalgia pode ocorrer por conta das alterações em estruturas que se localizam ao redor do ouvido ou pode ser consequência de problemas que afetam a orelha externa, média ou interna, separamos abaixo algumas das principais causas da otalgia, confira:

  • Infecção;
  • Lesão ou golpe sofrido na orelha;
  • Frio em excesso;
  • Dermatite de contato;
  • Bastante acúmulo de cera;
  • Entrada de água, ou corpo estranho dentro do ouvido.

Além dessas causas, mesmo sendo muito raro de ocorrer, algumas outras causas que podem estar na origem da dor de ouvido são problemas na arcada dentária, perfuração do tímpano, mudanças na pressão, que podem acontecer por exemplo durante uma viagem de avião, ou quando se viaja para lugares onde existe uma grande altitude, acúmulo de cera no ouvido, presença de feridas no canal do ouvido ou por conta da disfunção temporomandibular.

Como é feito o diagnóstico da otalgia?

O diagnóstico do que provoca a otalgia deve ser realizado por um pediatra ou pelo médico clínico geral, ao fazer o diagnóstico o médico deve levar em consideração os outros sintomas e sinais que a pessoa vem apresentando.
Em grande parte das vezes, é realizada apenas uma avaliação clínica, sendo muito importante que a pessoa diga exatamente que está sentindo, no caso dela apresentar outros sintomas além da dor de ouvido, alguns dos sintomas mais comuns são:

  • Febre;
  • Dores na cabeça;
  • Inchaço na região da orelha;
  • Saída de líquido pelo ouvido;
  • Perder a audição de forma temporária no ouvido afetado.

Em casos de crianças, em que a comunicação ainda é algo mais limitado, o médico e os pais da criança devem ficar atentos a alguns sinais, como por exemplo, caso a criança coloca a mão várias vezes próximo ao ouvido repetidamente, caso ela balance a cabeça frequentemente ou se ela evita apoiar a cabeça do lado em que sente dor.

Como é feito o tratamento da otalgia?

O tratamento vai variar a depender da causa que está na origem da otalgia. Para que se tenha um alívio dos sintomas pode-se tomar alguns medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios, como por exemplo, o paracetamol, dipirona ou ibuprofeno, também pode ser aplicado compressas mornas e a indicação de manter o ouvido sempre seco.

Em algumas situações, também pode ser solicitado que se apliquem soluções em gotas, que auxiliam na remoção da cera, entretanto apenas um médico especialista pode recomendar.

Busque sempre a ajuda de profissionais qualificados e eficazes que vão estar prontos e dispostos para te ajudar, conte com a Unicallmed para te ajudar!

  • Compartilhar:

Deixe o seu comentário